Hungria - RETRÔ88

Ir para o conteúdo

Hungria




Atualizado em: 10 / Novembro / 2021
Hungria:
Nome Oficial: Hungria
                    Magyarország
Superfície: 93.030 km2
População: 10.700.000 (em 1980 Fonte Nova Cultural)
População:   9.797.561 (estimativa para 2017 fonte Wikipédia)
Capital: Budapeste
Língua Oficial: Húngaro
Governo: República parlamentarista
- Presidente:  János Áder
- Primeiro-ministro:  Viktor Orbán
Independência:                          História
- Formação do Reino da Hungria:  fevereiro de 1000
- Ocupada pelos Otomanos:         29 de agosto de 1526
- do Império Austro-Húngaro        31 de outubro de 1918
- Entrada na UE:                         1 de maio de 2004
Org. internacionais:  UE, Organização do Tratado do Atlântico Norte, OMC, Conselho da Europa, OCDE
PIB (Nominal) Total: US$ 129.687 bilhões (Estimativa de 2014)
Per Capita: US$ 13.153 (Estimativa de 2014)
IDH (de 2019): 0,854
Moeda: Florim húngaro (forint) (HUF)
Cód. Telefone: +36
Cód. Internet: .hu

Hungria (em húngaro: Magyarország, é um país localizado na Europa Central, especificamente na Bacia dos Cárpatos. Faz fronteira com a Eslováquia ao norte, Romênia ao leste, Sérvia ao sul, Croácia a sudoeste, Eslovênia a oeste, Áustria a noroeste e Ucrânia a nordeste. A capital do país é a cidade de Budapeste. A Hungria é membro da União Europeia, da OTAN, da OCDE, do Grupo de Visegrád e do Espaço Schengen. A língua oficial é o húngaro, que é a língua não indo-europeia mais falada na Europa.

Após séculos de sucessiva ocupação de celtas, romanos, hunos, eslavos, gépidas e ávaros, a Hungria foi fundada no final do século IX pelo grão-príncipe húngaro Arpades durante o Honfoglalás ("conquista da pátria"). Seu bisneto Estêvão I subiu ao trono no ano 1000, quando converteu o país para um reino cristão. Até o século XII, a Hungria era uma potência média no mundo ocidental, alcançando seu auge no século XV. Após a Batalha de Mohács, em 1526, e de cerca de 150 anos sob ocupação otomana (1541-1699), a Hungria ressurge sob o domínio dos Habsburgos e, mais tarde, formou uma parte significativa do Império Austro-Húngaro (1867-1918).

Suas fronteiras atuais foram estabelecidas pela primeira vez pelo Tratado de Trianon (1920) após a Primeira Guerra Mundial, quando o país perdeu 71% de seu território, 58% da sua população e 32% dos húngaros étnicos. Após o período entre-guerras, a Hungria aderiu às Potências do Eixo na Segunda Guerra Mundial, quando sofreu danos significativos. A Hungria ficou sob a esfera de influência da União Soviética, o que contribuiu para o estabelecimento de um governo comunista que governou por quatro décadas (1947-1989). O país ganhou ampla atenção internacional por conta da Revolução de 1956 e da abertura parcial de sua fronteira anteriormente restrita com a Áustria, em 1989, o que acelerou o colapso de todo o Bloco de Leste.

Em 23 de outubro de 1989, a Hungria tornou-se novamente uma república parlamentar democrática e atualmente tem uma economia de alta renda, com um alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). O país também é um destino turístico popular, atraindo cerca de 10 milhões de visitantes por ano. A Hungria abriga o maior sistema de fontes termais e o segundo maior lago termal do mundo (Lago Hévíz), o maior lago da Europa Central (lago Balaton), e as maiores pastagens naturais do continente europeu (o Parque Nacional de Hortobágy).  ------------------------------------------------------ Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Revolução Húngara - 15 de março de 1848: (  vídeo  ) - 23 de mar. de 2018.
23/10/1956: O QUE ACONTECEU NA HUNGRIA? - História Húngara: (  vídeo  ) - 23 de out. de 2019.

+ S E L O S



Voltar para o conteúdo